Buscar

'Eu acredito que o povo brasileiro vai escolher o caminho da democracia e da igualdade', afi


📸 @carolcaminha

A candidata à vice-presidência pela coligação “O Povo Feliz de Novo”, Manuela D’Ávila, participou do debate entre candidatos à vice-presidência promovido por UOL/Folha/SBT. No debate a vice do candidato à presidência, Fernando Haddad, defendeu essencialmente a revogação da Emenda Constitucional 95, que trata do teto de gasto e a Reforma Trabalhista que tira diretos, ambas aprovadas pelo governo ilegítima de Temer, com apoio do PSDB, para a retomada do crescimento do Brasil.

Segundo Manuela, essas são medidas essenciais para fazer o Brasil voltar a crescer, investindo em Educação e geração de emprego, marcas históricas dos governos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do PT, com Haddad no ministério da Educação.

“Haddad é o homem certo para governar o país. Além de ser o portador do nosso projeto, que é o de retomada do desenvolvimento e dos direitos, ele é um homem que sabe ouvir, que tem capacidade de unir e de pacificar o país com base neste projeto”, declarou Manu.

Manuela, que participou das manifestações massivas pelo país no último sábado (29/09) contra o candidato à presidência do PSL, afirmou que estas eleições estarão marcadas por duas grandes disputas: “a primeira é se tomaremos ou não o rumo da democracia, a segunda é saber se manteremos os direitos do povo, como o 13º salário”. Manu falou também que a candidatura do PSL representa o fim da democracia e dos direitos.

Fonte: Agência Brasil/Foto - (Crédito: @carolcaminha)

#HaddadeManuela