Buscar

Socorro Sampaio tem quatro emendas a LDO aprovadas na CMM


A Câmara Municipal de Manaus (CMM) aprovou na manhã desta segunda-feira (2), quatro emendas da vereadora Socorro Sampaio (PP) ao projeto de lei nº 113/2014, do Executivo Municipal que dispõe sobre a Lei de Diretrizes do Orçamento (LDO) para a peça orçamentária de 2015. Entre as emendas apresentadas pela parlamentar do Partido Progressista estão as que tratam sobre: programa de Incentivo à Leitura no Ensino Fundamental, Ação Estude Sorrindo com objetivo de melhorar a segurança dentro das escolas com a instalação de câmeras nas salas de aula, além da construção do Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CAPSAD).


Segundo Socorro Sampaio, agora as emendas serão encaminhadas ao Executivo Municipal. Ela disse que as emendas são importantes para a que a Prefeitura beneficie vários segmentos da sociedade.


“Fico muito feliz pela aprovação por unanimidade no plenário dessas emendas que apresentei. É importante quando trazemos aqui para a Câmara Municipal o pleito da população e conseguimos a aprovação do plenário. Isso significa que no ano que vem às pessoas vão poder contar com essas emendas que solicitam mais um CPASD na cidade, para o tratamento gratuitamente de jovens que infelizmente se tornaram dependentes químicos”, avaliou Sampaio.


A vereadora do Partido Progressista também destacou a emenda nº 063/2015 que oferece cursos de capacitação preparatório as mulheres em situação de vulnerabilidade social ou vitimas de violência doméstica, para que elas tenham oportunidade no mercado de trabalho.


“Essas mulheres que muitas vezes sofrem caladas por não terem emprego vão poder fazer um curso de capacitação e a renda garantida no final do mês, também propus a emenda nº 061/2014 que pretende instalar câmeras nas salas de aulas interligadas com o CIOPS para garantir mais segurança aos alunos no país que vivemos atualmente com tanta violência, além da minha quarta emenda aprovada nº 060/2014 que tem como objetivo promover e difundir junto aos alunos da rede Municipal de Ensino o hábito e o gosto pela leitura, melhorando assim o seu desenvolvimento escolar”, afirmou Socorro Sampaio.


CMM / Rede Mundo

#politica