Dreamhack Rio será realizada no parque olímpico em abril de 2019

10-Feb-2019

Maior festival de esportes eletrônicos do mundo acontece pela primeira vez no Rio

 

O Rio de Janeiro vai receber, entre os dias 19 e 21 de abril de 2019, o DreamHach Rio, maior festival de esportes eletrônicos do mundo e que tem apoio da Secretaria de Estado de Esporte, Lazer e Juventude (Seelje) através da Lei de Incentivo ao Esporte. Esta será a primeira vez que a cidade vai sediar o evento, que acontece anualmente em cidades da Europa, da América do Norte e da Ásia. A principal atração do festival será o DreamHack Open Counter-Strike:Global Offensive, competição onde oito equipes de nível internacional disputam uma premiação de U$ 100 mil.

 

Toda a programação vai acontecer no Parque Olímpico e cerca de 100 mil pessoas são esperadas. De acordo com o secretário de Estado de Esporte, Lazer e Juventude, José Ricardo Brito, que participou de uma coletiva de imprensa para detalhar o evento, os chamados esports estão crescendo a cada dia:

 

- Somos um estado vocacionado ao esporte, recebemos as Olimpíadas, jogos da Copa do Mundo e diversos outros eventos e acreditamos que o Estado do Rio deve estar aberto para novas oportunidades no esporte. Quando eu comecei a conversar sobre jogos eletrônicos com o Felipe Rodrigues – diretor da DreamHack Brasil – eu já tinha uma noção do que era. Mas quando foram me passando os números, o que os esports significam, eu fiquei abismado. Surgiu a necessidade do Estado do Rio receber esse tipo de evento dessa grandeza. Nós colocamos a Lei de Incentivo ao Esporte à disposição da DreamHack – afirmou.

 

Rodrigues lembrou que os esports são a maior manifestação esportiva e cultural da chamada geração digital e que o setor, mesmo durante a crise econômica que atingiu o país, não parou de crescer:

 

- Por isso trazer, para o Rio, um evento internacional de entretenimento digital que é mainstream para os millenials é um motivo de orgulho para todos os cariocas. O Rio de Janeiro terá uma competição internacional de esporte eletrônico e os olhos do mundo inteiro estarão voltados para cá – disse.

 

Já o diretor comercial da Rio Convention & Visitors Bureau, Philipe Campello, falou sobre a importância de eventos como esse no calendário turístico do estado e como movimentam a economia:

 

- Como o Zé (José Ricardo Brito) falou, ficou um legado esportivo muito grande e temos uma capacidade hoteleira como suporte. Mês de abril e maio são os meses que menos temos eventos e por isso esse festival é muito importante para o calendário do Rio – detalhou.

 

Também estiveram presidentes na coletiva o presidente da Federação do Estado do Rio de Janeiro de Esporte Eletrônico (FERJEE), Paulo Ribas, e o subsecretário municipal de Esportes e Lazer, Gustavo Freue.

 

Fonte: SEELJE-RJ/Foto (Crédito: wikipedia)

Please reload

Leia também...
Please reload

Posts Relacionados

© 2020 por Rede Mundo

  • Twitter App Icon
  • Facebook App Icon
  • Google+ App Icon