Nas redes sociais e nas ruas, povo se mobiliza contra golpe

19-Apr-2016

A internet contabilizou 2,255 milhões de postagens no Twitter e no Instagram sobre impeachment de Dilma Rousseff, no domingo (18). A maioria absoluta dos posts, no entanto, foram feitos em apoio à presidenta, e contra a aprovação do  processo que pede o seu impeachment.

 

Segundo levantamento publicado no jornal “Folha de S.Paulo“, nesta segunda-feira (18), 77% dos posts foram favoráveis à continuidade do governo Dilma.

Ainda de acordo com a matéria, Fabio Malini, analista de redes sociais, já havia detectado um maior fluxo de mensagens em apoio à Dilma nas redes sociais. Malini afirma que, desde o dia 18 de março, o movimento que tomou as ruas do país e a hashtag #contraogolpe também se refletiu na internet, numa virada vermelha das redes.

 

No domingo, dia da aprovação do impeachment da presidenta, a hashtag utilizada para reforçar o apoio à Dilma e o repúdio ao golpe foi a #respeiteasurnas. Além das mobilizações nas redes, milhares de pessoas ocuparam pontos estratégicos em todo o país, como a Esplanada dos Ministérios em Brasília, o vale do Anhangabaú em São Paulo e a praia de Copacabana no Rio de Janeiro, onde ao menos 50 mil pessoas se reuniram para defender o mandato democrático de Dilma.

 

Rejeição
Pesquisa do Datafolha divulgada nesta segunda-feira (18) aponta que um possível governo do vice-presidente Michel Temer (PMDB) é rejeitado tanto por manifestantes contrários e quanto pelos favoráveis ao impeachment da presidente Dilma Rousseff.

 

Fonte e fotro: Agência PT de Notícias

Please reload

Leia também...
Please reload

Posts Relacionados

© 2020 por Rede Mundo

  • Twitter App Icon
  • Facebook App Icon
  • Google+ App Icon