Ibama dá sinal verde para hidrelétrica de Belo Monte

24-Nov-2015

Licença de operação para usina que está sendo construída no rio Xingu vale por seis anos

 

A hidrelétrica de Belo Monte, no Pará, recebeu sinal verde para encher seus reservatórios e, a partir daí, começar a gerar eletricidade. Nesta terça-feira (24), o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) concedeu a licença de operação para a empresa Norte Energia, responsável pelo projeto, que está em construção há quatro anos e cinco meses no rio Xingu, no Pará. Segundo o Ibama, a licença de operação está relacionada ao cumprimento de 41 condicionantes. A licença é válida por seis anos.

 

Localizada no sudoeste do Pará, Belo Monte terá capacidade instalada de 11.231 megawatts (MW), energia suficiente para abastecer até 60 milhões de pessoas. Para o cumprimento do Projeto Básico Ambiental (PBA), foram investidos cerca de R$ 4 bilhões em ações socioambientais nos cinco munícipios da Área de Influência Direta de Belo Monte: Altamira, Anapu, Brasil Novo, Senador José Porfírio e Vitória do Xingu. Há ainda R$ 500 milhões

aportados pela Norte Energia para o Plano de Desenvolvimento Regional Sustentável do Xingu (PDRSX), para execução de projetos nos municípios das áreas de influência direta e indireta do empreendimento. 

 

Todos os documentos (83 volumes) do processo de licenciamento de Belo Monte, que tramita desde 2006, estão disponíveis para consulta no site do Ibama.

 

A Norte Energia venceu a concessão da UHE Belo Monte em leilão Público de Abril de 2010, ofertando um valor 6% menor do que o preço estabelecido pelo governo no Leilão. A concessão da Usina será por 35 anos.

 

Fonte: Portal Brasil, com informações do Ibama e da Agência Brasil

Please reload

Leia também...
Please reload

Posts Relacionados

© 2020 por Rede Mundo

  • Twitter App Icon
  • Facebook App Icon
  • Google+ App Icon