Brasil apresenta à agência da ONU programa de mobilidade social no campo

8-Oct-2015

Kátia Abreu explicou que objetivo da ação é dobrar a classe média rural brasileira por meio de qualificação, extensão rural e estímulo ao associativismo

 

Em agenda oficial na Rússia, a ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Kátia Abreu, apresentou nessa quarta-feira (7) de outubro, em Moscou, o programa do ministério sobre mobilidade social no campo ao Fundo Internacional para o Desenvolvimento Agrícola (Fida), agência especializada da Organização das Nações Unidas (ONU).

 

Em reunião com o presidente da entidade, Kanayo Nwanze, Kátia Abreu afirmou que o objetivo do programa “Oportunidade: Mobilidade Social no Campo” é dobrar a atual classe média rural brasileira por meio de qualificação, extensão rural e estímulo ao associativismo, em busca do aumento da renda dos pequenos produtores. Um dos focos da ação é corrigir imperfeições de mercado enfrentadas pelos pequenos produtores.

 

Nwanze comentou que o programa do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento  (Mapa) é ambicioso e necessário e que é preciso dar condições para os agricultores mais pobres se organizarem para alcançar poder de negociação.

 

O Fida buscou interlocução com o governo brasileiro para tratar da revisão do plano de atuação no Brasil entre 2016 e 2021. Entre as prioridades do novo programa da entidade está justamente o desenvolvimento rural e a redução da pobreza, com especial atenção na cooperação Sul-Sul e em parcerias estratégicas.

 

Kátia Abreu reforçou que o “Oportunidade” é adaptável a qualquer lugar do mundo, inclusive à África, um dos focos de atuação do Fida. “O importante é treinar os técnicos para aprenderem e irem até as propriedades para transmitir conhecimento e tecnologia aos produtores, estejam eles no Brasil, estejam em um país africano.”

 

A ministra brasileira participa nesta sexta-feira (9) da 5ª Reunião dos ministros de Agricultura e de Desenvolvimento Agrário dos Brics, bloco econômico formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. Ela também visitará a feira de exposição agropecuária Outono Dourado, onde inaugurará o pavilhão do Brasil – uma parceria do Mapa com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) , onde ganharão destaque produtos como cacau, café, frutas e máquinas agrícolas.

 

O objetivo da missão na Rússia é promover os interesses do agronegócio brasileiro e buscar resultados concretos em prol da remoção de barreiras, sobretudo não tarifárias, às exportações, bem como divulgar a imagem e a qualidade dos produtos agropecuários do país.

 

A delegação brasileira passará por São Petersburgo em 10 e 11 de outubro para fazer visitas técnicas em grandes redes de comercialização de produtos agropecuários e ao porto da cidade.

 

Fonte: Portal Brasil com informações do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Mapa

Please reload

Leia também...
Please reload

Posts Relacionados

© 2020 por Rede Mundo

  • Twitter App Icon
  • Facebook App Icon
  • Google+ App Icon