Buscar

Pesquisadores do Inpa participam de atividades em alusão ao Dia Mundial da Água


Estamos inseridos na maior bacia hidrográfica e como é que hoje estamos cuidando dos nossos recursos hídricos? O questionamento é o ponto de partida da palestra da pesquisadora do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCTIC), Maria do Socorro Rocha, realizada na quarta-feira (22) em evento alusivo ao Dia Mundial da Água, no Centro Cultural Thiago de Melo, zona Leste de Manaus.

Também serão discutidas na palestra questões como a legislação ambiental voltada aos recursos hídricos, a gestão do gerenciamento de bacias hidrográficas e a apresentação de dois Comitês – Bacia do Tarumã-Açu e Bacia do Puraquequara .

O evento é uma organização da Secretaria de Estado de Educação (Seduc) em parceria com a Secretaria Municipal de Educação (Semed) e é direcionado aos professores da rede pública de Manaus.

Segundo Rocha, a palestra surgiu da necessidade de mostrar aos professores a situação preocupante dos igarapés da Região Metropolitana de Manaus, onde mais de 80% dos trechos se encontram contaminados por esgotos. Outro ponto chave a ser discutido é sobre a situação atual do rio Negro.

Participam da palestra, além de Rocha, a pesquisadora do Inpa Ana Rosa Tundis Vital, e o técnico do Inpa, o gestor ambiental Antony Lopes, integrantes do grupo de pesquisa Recursos Hídricos da Amazônia (Rhania).

“Todo lixo, todo esgoto que é lançado ao longo da bacia, termina entrando no rio Negro, contaminando as águas que banham nossa cidade”, alerta Silva, que é doutora em Química. “O rio Negro, por ser um dos maiores rios de água preta do mundo e com um potencial hídrico, é importante saber o que vem acontecendo com ele”, destaca.

Para Rocha, os professores são os maiores disseminadores de conhecimento e são os que estão diante dos alunos no dia a dia, por isso a importância de apresentar a situação dos rios para eles. “Assim, os professores poderão ajudar a gerar uma consciência ambiental nos alunos”, diz a pesquisadora.

Workshop da Água

Com o tema “Água Residual, impactos nos ecossistemas e a importância de seu reuso”, o pesquisador Sávio José Ferreira Filgueiras, doutor em gestão ambiental e integrante do grupo de pesquisa Rhania do Inpa, participará, às 19h, desta quarta-feira (22), de uma mesa redonda do IV Workshop da Água, da Faculdade Fucapi (Av. Gov. Danilo de Matos Aerosa, 381 – Distrito Industrial).

O objetivo do workshop é debater a questão da água residual e seus impactos nos ecossistemas, bem como seu reuso.

De acordo com os organizadores do workshop, as águas residuais são aquelas que uma vez utilizada pelas atividades humanas têm suas propriedades alteradas. O lançamento de águas residuais de cunho doméstico é um dos maiores problemas ambientais e de saúde pública no Brasil, pois em muitas cidades o esgoto não recebe qualquer tipo de tratamento e causa contaminação do solo, dos rios, dos oceanos e até mesmo de fontes naturais que abastecem as cidades com água.

Fonte: INPA, por Karem Canto – Ascom InpaFoto: Fernanda Farias - Acervo

#DiaMundialdaÁgua