Buscar

Dilma é saudada na Bahia ao som de 'não vai ter golpe' em cerimônia de entrega de navio à Ma


Foto: Roberto Stuckert Filho

Recepcionada pelos baianos com a saudação de “não vai ter golpe”, em referência à trama do impeachment articulada pela oposição na Câmara dos Deputados, a presidenta Dilma Rousseff participou nesta quarta-feira (7) da incorporação do Navio Doca Multipropósito (NDM) Bahia à frota da Marinha brasileira. “Cada equipamento que incorporamos às Forças Armadas, é mais uma contribuição para o Brasil desenvolvido que estamos construindo. Não podemos descuidar da defesa de nossa soberania”, afirmou a presidenta, na cerimônia de apresentação do NDM Bahia.

O navio tem capacidade para transportar tropas anfíbias, com heliponto, e atuar em ações humanitárias como as que a Marinha do Brasil cumpre no Haiti e no Líbano.

“Com este navio reforçamos nosso poder naval em atividades típicas do governo e em ações de caráter humanitário”, observou a presidente.

Ela também apontou os esforços que o governo vem fazendo para manter, mesmo em momentos econômicos e financeiros difíceis, as agendas prioritárias que envolvem temas da Defesa Nacional.

“Mesmo em uma fase de ajustes, temos nos esforçado para dar sequência aos projetos estratégicos das Forças Armadas”, disse Dilma. “Por isso, na proposta da revisão da lei

Orçamentária de 2016, incluímos recursos para garantir a continuidade destes projetos”, completou.

O ministro da Defesa, Aldo Rebelo, que também participou da cerimônia, informou que o navio foi adquirido a partir de acordo internacional firmado entre o Brasil e a França. Segundo ele, o navio oferecerá à Marinha brasileira “um instrumento com capacidade de operar tanto na costa brasileira como fora dela em múltiplas missões exigidas pela força naval”.

Em sua conta no twitter, o Governador da Bahia, Rui Costa (PT) agradeceu as ações que o governo Federal vem implementando na Bahia e reconheceu a importância do NDM Bahia para o País e para o Estado da Bahia. “Feliz em entregar a bandeira do nosso estado ao comandante do navio Bahia, Felipe Serrão. Que a Marinha venha aumentar suas instalações em nosso estado, utilizando todo o potencial da Baía de Todos os Santos”, disse Rui Costa.

Fonte: PT na Câmara - por Benildes Rodrigues com Blog do Planalto/Foto: Roberto Stuckert Filho

#politica