Buscar

Azeredo foi preso, mas ninguém fala do Aécio, critica petista


ex-governador Eduardo Azeredo (PSDB-MG) e Aécio Neves (PSDB-MG)

O deputado estadual de Minas Gerais Rogério Correia (PT) criticou, em entrevista à “Rádio Brasil Atual“, nesssa sexta-feira (18), o fato de a condenação do ex-governador Eduardo Azeredo (PSDB-MG), por peculato e lavagem de dinheiro, não incluir Aécio Neves (PSDB-MG).

Segundo ele, o senador também tem seu nome envolvido nas denúncias do chamado “mensalão tucano”.

“Até que enfim o Azeredo foi preso. Ainda cabe recurso, mas pelo menos fica claro que o crime foi cometido, já que há tanto tempo falamos”, comemorou.

Entretanto, Correia lamentou o não aparecimento do nome de Aécio no processo. “Ao que não estão dando destaque é o outro que se beneficiou, além de Azeredo, que é o Aécio Neves, que está na lista, que mostra que ele recebeu R$ 110 mil reais na época”, refutou.

O parlamentar explica porque Aécio não foi condenado também no processo. “Eles colocaram só o Azeredo, mas quem recebeu do Azeredo eles tiraram. Então colocaram só quem fez a corrupção ativa, e quem fez a passiva, que foram os deputados, foram retirados (do processo)”, salientou.

O deputado lembra que Aécio Neves “ainda está na lista de Furnas e esperamos que o (Procurador Geral da República, Rodrigo) Janot abra um processo”.

Fonte: Agência PT de Notícias, com informações da “Rede Brasil Atual”

#politica