Buscar

‘Casa própria é um sonho e a gente nem acredita que está acontecendo’


“Valeu a pena esperar”, afirma Poliana Mendes, 25 anos, operadora de caixa, sobre o apartamento em que vai morar com o marido e os três filhos. Ela e a família vão experimentar pela primeira vez a sensação em morar na casa própria. “Casa própria é um sonho e a gente nem acredita que está acontecendo com a gente”, diz.

Ela não vê a hora de se mudar para a casa nova e comemorar as festas de fim de ano. “Todo ano a gente vai passar com a minha mãe no interior. Este ano, ela vem passar com a gente. E ainda tive a sorte da minha cunhada também ser sorteada e com um apartamento quase em frente ao meu. Vai ser uma grande festa. Estou muito feliz”, comemora.

A serviços gerais Berly de Souza, de 30 anos, mora em uma pequena casa com a mãe, os filhos, os irmãos e os sobrinhos. Ela diz que está muito ansiosa com a mudança e a chance de poder ter um lugar para chamar de seu. “Agora vou ter a minha casa, poder ter as minhas coisas. É um sonho realizado e o melhor é que você está pagando um valor muito baixo, que nem chega ao valor de um aluguel. Só tenho a agradecer”, diz.

Para o casal Nei da Silva Magalhães, 35 anos, e Neide de Oliveira, 33 anos, a casa própria representa segurança e tranquilidade para a família. “A gente já morou de aluguel e na casa das nossas mães. Agora é a hora de termos a nossa casa, recebermos quem a gente quer, sem se preocupar em incomodar ninguém”, afirma Neide. “E lá no Vila Jardim é um lugar muito bom, com toda a estrutura para nós e para os nossos filhos. Estamos muito felizes”, comemora Nei.

Fonte: Blog do Planalto

#mais