Buscar

Brasil e México ficam no empate sem gols diante do Castelão lotado


Partida foi equilibrada, com oportunidades de gol para aos dois lados. Goleiro mexicano Ochoa saiu de campo como herói


Brasil e México protagonizaram um jogo emocionante no gramado do Castelão, em Fortaleza, na tarde desta terça-feira (17.06). Mesmo assim - e muito por conta da atuação dos goleiros - o zero não saiu do placar. O mexicano Ochoa fez pelo menos três grandes defesas e evitou que a torcida brasileira comemorasse a vitória. As duas seleções, que haviam vencido na primeira rodada, somam agora quatro pontos no Grupo A do Mundial.


Com a ausência do atacante Hulk por conta de lesão, o técnico Luiz Felipe Scolari escalou a Seleção com Julio César; Daniel Alves, Thiago Silva, David Luiz e Marcelo; Luiz Gustavo, Paulinho, Ramires e Oscar; Neymar e Fred. O treinador mexicano Miguel Herrera mandou a campo os seguintes jogadores: Ochoa; Maza Rodríguez, Rafa Márquez, Héctor Moreno; Aguilar, José Vázquez, Herrera, Guardado e Layún; Giovani dos Santos e Oribe Peralta.


O jogo começou com muitas jogadas ríspidas e faltas duras. A vontade superou a técnica, dos dois lados, nos primeiros dez minutos de jogo. O primeiro lance de emoção aconteceu aos 11 minutos. Neymar partiu pela esquerda e cruzou para Fred. O centroavante brasileiro finalizou na rede pelo lado de fora, mas o árbitro assinalou impedimento. A partir desse momento, o jogo ficou mais aberto e as oportunidades começaram a aparecer.


Primeiro chute a gol do México ocorreu aos 23 minutos. O volante Herrera chutou forte de fora da área e a bola passou muito perto do travessão. Julio César chegou a desviar a bola, mas a arbitragem indicou tiro de meta.


Portal da Copa / Rede Mundo

#esporte