Buscar

Luta contra a febre aftosa ganhará reforço no município de Autazes


Até o final do mês de junho, pecuaristas de Autazes terão novos postos auxiliares da Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Estado do Amazonas (Adaf). Esse foi o resultado da reunião, proposta pela vereadora do município Suely Lopes (PT), que aconteceu na tarde de quarta-feira (28) no gabinete do deputado Sinésio Campos (PT) na Assembleia Legislativa do Amazonas.


Durante o encontro, pecuaristas de Autazes debateram com representantes da Adaf, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, com o prefeito Wanderlan Sampaio (PMDB) e vereadores locais, além de demais representantes de órgãos ligados ao tema, a importância de se facilitar o trânsito do rebanho em propriedades que pertencem à mesma localidade, com a flexibilização da emissão da Guia de Trânsito Animal (GTA), que serve para mapear o deslocamento do gado.


Segundo o diretor da Adaf, Sérgio Muniz, a retirada da obrigatoriedade da GTA em todos os trechos contraria as normas da Agência e do próprio Ministério, no que diz respeito ao combate da Febre Aftosa no Estado. “Entendemos as dificuldades do pecuarista, mas precisamos seguir à risca as determinações do Programa Nacional de Erradicação da Febre Aftosa, para que o Amazonas se torne área livre da doença e possa avançar no setor”, disse.


Para minimizar os impactos financeiros no intenso deslocamento do rebanho até a sede de Autazes, local onde é emitida a guia, Adaf e a Prefeitura de Autazes irão firmar um termo de cooperação para viabilizar a descentralização da Agência, com funcionários cedidos pela prefeitura e capacitados pela Adaf. Os locais de instalação destes postos auxiliares serão indicados pelos próprios pecuaristas.


Texto: Assessoria do Deputado

#politica